Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
topo.jpg

Sedes

Atualizada em 03/10/14 16:02.
Sedes

O Museu Antropológico (MA) da Universidade Federal de Goiás foi inaugurado em sede provisória e ocupou diferentes espaços arquitetônicos no decorrer de sua trajetória, todos eles localizados na cidade de Goiânia. 

     1969 – na sua inauguração, ocupou salas do prédio da Faculdade de Educação (FE) da UFG, situado à Rua 235, Setor Universitário.

     1971 – ocorreu a sua primeira transferência de endereço. O Museu passou a se localizar no segundo andar do edifício onde funcionava a Escola de Enfermagem São Vicente de Paula, sediada também na Rua 235, Setor Universitário.

     1973 – o Museu sofreu nova mudança. Passou para o térreo do mesmo prédio da Escola de Enfermagem São Vicente de Paula, na Rua 235, Setor Universitário.

     1978 – mais uma vez o Museu Antropológico se desalojou passando a ocupar, novamente, espaço pertencente ao patrimônio da UFG, na área do Lago das Rosas, no Setor Oeste, onde também já funcionava a Rádio Universitária. Nesse ínterim, o Laboratório de Arqueologia do MA, por falta completa de espaço físico, ocupou salas cedidas temporariamente pelo então Instituto de Química e Geociências (IQG), instalado no Campus Samambaia (Campus II) da UFG, até ser acolhido também no espaço ocupado no Lago das Rosas, no Setor Oeste

     1991 – após essa seqüência de alterações de espaços e mudanças de endereços, o Museu Antropológico foi instalado no edifício ocupado anteriormente pela Faculdade de Farmácia e Odontologia da UFG, localizado na Avenida Universitária, 1166, Setor Universitário, Campus Colemar Natal e Silva (Campus I) da UFG, onde permanece até os dias atuais. Em 1995, em prédio anexo ao Museu Antropológico, o Laboratório de Arqueologia se instalou em sede de 300 metros quadrados, numa edificação construída a partir de parceria estabelecida entre Furnas Centrais Elétricas, UFG e Fundação de Apoio à Pesquisa (Funape)

 

 

Listar Todas Voltar